Em entrevista para a Los Angeles Times sobre a saúde mental de músicos durante a pandemia de coronavírus, Hayley Williams contou um pouco sobre seus cuidados ao lidar com seus problemas em meio ao isolamento.

Leia também: #AtHomeWithParamore Transmissão do show de abertura da banda no Parahoy 2018

“Se eu acordo e não lanço uma música, o que não fiz hoje, posso sentir o vazio”, diz Williams. “Eu posso sentir meus pensamentos correndo e estou tentando entender o equilíbrio entre correr dos meus próprios pensamentos e quando há coisas boas para tirar deles”.

A cantora, que foi diagnosticada com depressão, estresse pós-traumático e ansiedade, no final de 2018, ao término de sua turnê do quinto álbum de estúdio do Paramore, After Laghter, vem tentando tirar o melhor proveito da quarentena.

Willams afirmou que não precisou aumentar a dosagem de deus medicamentos, mas passou a tomar suplementos como magnésio e vitamina D, além de estar fazendo teleterapias com seu terapeuta de Nashville, ao qual se sente mais confortável desde que esteve em Los Angeles finalizando o seu primeiro álbum solo, ‘Petals for Armor’.

Ouça Petals for Armor II

“Aumentei a dose de cortisol, que é um grande aliviador do estresse”, afirma ela. “Mesmo quando eu não quero fazer isso, como eu não queria fazer na semana passada, e eu termino, eu fico tipo ‘Ufã, cara'”, diz ela, suspirando aliviada.

Paramore Brasil | Informação em primeira mão
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube | Fórum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *