Hayley Williams publicou novas fotos em seu Instagram, ao lado de um texto de agradecimento, revelando alguns fatos sobre o processo de composição da música Simmer. Muita coisa estava acontecendo ao mesmo tempo na vida da cantora e escrever foi como “exorcizar seus demônios interiores” ela conta.

A experiência também à aproximou ainda mais de Taylor York e Joey Howard. Confira na tradução abaixo:

Aproveite para ler a nossa resenha: Hayley Williams ressignifica sua vulnerabilidade em ‘Simmer’ e lança sua marca musical mais autêntica

E era assim que a minha vida estava na semana que escrevi SIMMER (no começo de 2019)…
Eu estava no meio do período de lançamento da @gooddyeyoung nas lojas, alguns dias depois de ter criado a demo da música. Isso começou comigo e o Taylor brincando com um microfone binaural – procurem pelo microfone da @neumann.berlin, é selvagem – e acabou se tornando uma grande jornada de emoções para mim. Foi a primeira vez que compus as partes de baixo e guitarra em uma música. Assim que chegamos à algum lugar com esse trabalho, convidamos o @jellyquinn para se juntar a nós, tocando e compondo para a segunda estrofe e o pré-refrão.

O verso que ele criou exorcizou alguns dos meus demônios interiores e eu sou muito grata por tê-los fora de mim agora. Nessa época eu não sabia que estava criando um álbum. Nós estávamos apenas passando um tempo juntos, nos divertindo, e eu estava tendo sessões grátis de terapia (muito necessárias). Essa é a maior legenda do mundo, mas eu me sinto muito orgulhosa em ver como essa música mostrou o melhor de cada um de nós, em novas formas. É muito importante criar, descobrir e expressar… sempre. Mal posso esperar para compartilhar mais. Esperançosamente em menos de 9173628191769420 caracteres.

Assista ao clipe de Simmer!

Paramore Brasil | Informação em primeira mão
Facebook | Instagram | Twitter | YouTube | Fórum

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.