Hayley Williams fala sobre premiações em nova edição da Alternative Press

Há cerca de dois meses atrás, o Paramore foi nomeado em cinco categorias do Alternative Press Music Awards, e recentemente, foi anunciado como uma das atrações do evento, que ocorrerá no dia 21 de Julho. A votação vai até dia 15 de Julho, não deixe de votar, clique aqui.

Hayley Williams foi indicada na categoria “Melhor Vocal“, e cedeu uma entrevista à revista, que rendeu boas risadas e um photoshoot novo em folha. Confira abaixo o scan e a entrevista já traduzida:

10443151_10150421044144963_2706951758269074726_o

Clique para ampliar.

Paramore foi nomeado em cinco categorias do APMA’s este ano…
Hayley Williams: Woo! [Ri.]

Se você pudesse ganhar em apenas uma delas, qual seria?
Hayley Williams: Eu ia amar ganhar como “Álbum do Ano”. Quando nós terminamos [Paramore], não podíamos acreditar. Podermos sentar e escutar os primeiros mixes de cada som e arrumá-los em ordem pela primeira vez, ouvindo daquela maneira, posso dizer que me emocionei algumas vezes. Foi um álbum que quase não aconteceu, e não consigo parar de me orgulhar dele. É a melhor coisa, em minha opinião, que nós já fizemos. Seria irado ganhar um prêmio por isso.

Você mesma já ganhou alguns prêmios no passado, como “Mulher Mais Sexy” de outras publicações, mas você nunca foi nomeada em qualquer outro local como “Melhor Vocal” antes. É desafiador fazer as pessoas prestarem atenção em você como cantora e não como mulher?
Hayley Williams: Mesmo com 16 anos, sem maquiagem — eu mal usava ChapStick — eu ainda recebia comentários brutos de pessoas da platéia. Não sei qual é o problema em uma mulher estar no palco, mas qualquer que seja a razão, o última coisa que as pessoas querem reconhecer são habilidades. Eu não sei o motivo. Mas é uma sensação incrível sempre que as pessoas querem falar sobre minha voz. Cantar foi o que eu sempre quis fazer. Me orgulho de ser uma cantora que trabalha duro para soar ótima e performar muito bem.

Você é o tipo de pessoa que já aparece com um discurso de aceitação preparado, só para o caso de ganhar?
Hayley Williams:  Nós nunca preparamos discursos de aceitação, até mesmo porque não imaginamos que vamos ganhar. [Ri.] Eu odeio longos discursos de aceitação. Não só porque são chatos, mas também porque é realmente embaraçoso quando tentam cortar as pessoas. Nós apenas tentamos pensar em quem realmente nos trouxe ao lugar onde estamos hoje, e dar a estas pessoas o devido agradecimento.

Deixe-me ser bem sincera: Eu não gosto nem um pouco de alguns prêmios aos quais já fomos convidados ou até mesmo nomeados. Quando vou ao Grammy, por exemplo, sinto que não posso tocar em nada. [Ri.] Obviamente eu sou muito agradecida, mas as vezes me sinto muito deslocada. Estou muito empolgada para o show desta premiação; vai ser um ambiente mais tranquilo, e vai ser legal celebrar outras bandas. Estou muito empolgada para ver o twenty one pilots, a propósito.

No destaque: “É uma sensação incrível sempre que as pessoas querem falar sobre minha voz. Cantar foi o que eu sempre quis fazer.”

Hayley Williams para a Alternative Press – 2014

apmelhor1 apmelhor4 apmelhor2 apmelhor3 10443151_10150421044144963_2706951758269074726_o

Fiquem ligados no Paramore Brasil!
Facebook | Instagram | Twitter | Tumblr | Youtube

Milena Riboli

"I am a loud person." Par(AMOR)e. Avril Lavigne. Música. Chocolate. Taylor York. Livros. Preto. Perfeccionismo.