Está no ar o sexto episódio de Kiss Off, programa de Hayley Williams para a Popular TV, canal da revista digital criada pelos co-fundadores da Nylon Magazine!

Com a ajuda de Brian J. O’Connor – amigo, cabeleireiro e maquiador de Hayley -, nossa vocalista favorita comanda os episódios sobre moda, música e beleza.

No sexto episódio, a dupla mostra os bastidores da sessão de fotos da goodDYEyoung, com a participação especial de Josh Dun, da banda Twenty One Pilots! Confira:

Hayley: Oi, pessoal! Eu sou a Hayley, do Paramore, e estamos aqui com uma edição especial do Kiss Off! Estou miito animada com ela porque é a gravação dos bastidores da minha nova linha de tintas para cabelo, goodDYEyoung, um sonho pelo qual espero por muito tempo. Muitas coisas mágicas acontecendo, com pessoas mágicas, e as meninas estão aqui se arrumando agora… Brian está com elas. Tem muita coisa acontecendo.

Hoje é o dia em que finalmente vamos tirar isso da nossa mente e colocar no mundo real. Estou muito assustada!

Brian: Estamos muito assustados! Passamos 3 ou 4 anos criando e eu quero que todos acreditem no nosso trabalho, especialmente pessoas que, pintam o cabelo, que fazem o que eu faço, e porque eu passei muito tempo criando… é realmente estressante esperar pela reação das pessoas e lançar isso.

H: Nós recebíamos muitas amostras e o tempo todo nós enviávamos de volta e falávamos “não, não está certo, não está certo.” Eu ficava nos bastidores do show e você nos camarins, mexendo com amostras de cabelo, pintando, e então levávamos para o Sol para olhar e… demorou muito tempo pra gente chegar onde queria, mas valeu muito a pena.

B: Hoje fez com que valesse a pena.

H: Este é Josh, tivemos a sorte de ter o Josh aqui.

Josh: Sou sortudo por estar aqui.

H: É incrível que você seja um cara que pinta o cabelo, e eu gostei do fato de você ser um cara que pintou o cabelo de rosa hoje.

J: Sim, é rosa. É a segunda vez que pinto de rosa, mas é a primeira vez que é, tipo, cor de chiclete.

H: A tinta é a Ex Girl.

J: Legal! Eu não sabia.

H: É chamada Ex Girl por causa da música Ex Girlfriend, do No Doubt, que tem os cabelos rosas, então eu precisava fazer isso. Eu acho que nós não economizamos na criação de tintas que chamariam atenção. Nós queríamos que fosse ridículo.

J: Eu gosto do resultado. Acho que pintei o cabelo pela primeira vez na sexta série, na verdade.

H: Jovem!

J: Sim, jovem. Eu acho importante que você vista o que você quiser ou pinte o cabelo do jeito que quiser. É legal se expressar.

H: Você usa maquiagem no palco, o que eu acho muito legal, porque muitos adolescentes admiram muito vocês, então é legal que vocês façam algo diferente.

J: O que é legal é que você pode fazer o que quiser. Significa pra você o que você quiser que signifique, mas no fim do dia, ainda é você e você pode fazer o que quiser e o que te deixa mais confortável.

H: Você tem uma chance de ser quem é e de criar sua própria identidade, independentemente do que é popular ou uma tendência

Julia: Eu gostei muito dessa cor, eu me sinto como uma estrela do rock com cabelos da cor de blueberry.

B: Isso, pra gente, é muito importante, porque é para as pessoas que se sentem de uma forma que já nos sentimos, quer admitamos ou não, todos nós temos aquela coisa que nos come vivos por dentro.

J: Eu fui para uma escola privada pequena, eu tive que usar uniforme e descobrir formas de criar minhas próprias coisas, de ser diferente.

Caujae: É muito divertido ter um penteado diferente porque é como se você fosse uma pessoa diferente, você pode agir como quiser, ser quem quiser.

Charlavail: As pessoas que pintam os cabelos… você pensa, “eu quero ser amiga delas”, e você fica encarando, mas me irrita quando as pessoas encaram, então eu preciso me lembrar de elogiá-las, tipo, “eu amei!”, você sente orgulho das pessoas.

B: Todo mundo é lindo.

H: Todo mundo é ótimo. Todo mundo é legal.

Cindy Ann: Esta cor de cabelo faz com que eu me sinta… hm… eu diria confiante.

Julia: Dá um tom diferente, permite que você meio que sinta que está brilhando, eu me sinto ótima com meu cabelo agora.

H: Eu sempre gostei dessa coisa do cabelo porque eu sinto que é realmente uma forma boa e saudável de você aprender a se expressar e, digo, às vezes você estraga tudo e fica assim por um tempo, mas, sabe, é só cabelo.

B: E é por isso que só ter as 5 cores principais, tipo o vermelho, o rosa, o amarelo, o laranja, o azul, que podem ser misturadas é uma forma boa de ser criativo, de se expressar, de se encontrar, misturar e ser criativo.

H: É quase como quando você escreve uma música, em um momento você está aqui, e depois um monte de gente está cantando com você. É muito legal porque é criativo, mas de uma forma diferente.

B: É sobre, sabe, se jogar, e precisa ser divertido.

Charlavail: Sentir-se bem na própria pele é a coisa mais importante.

B: É uma coisa que faz com que todos nós criemos uma conexão, é sobre se sentir unido nas diferenças.

H: É ser notado por algo bom, criativo e vibrante, e é isso que a GDY é para nós, é criativo e vibrante e permite que as cores nos libertem.

Em breve, a versão legendada estará disponível em nosso canal do YouTube.

Confira episódios anteriores

Paramore Brasil – informação em primeira mão
Facebook | Instagram | Twitter | Tumblr | YouTube | Fórum

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.